11ª Bienal do Mercosul 2018 desenvolve atividades regulares em Porto Alegre

Obra brinquedo solar da bienal do mercosulA 11ª Bienal do Mercosul acontece entre abril e junho de 2018 em Porto Alegre. Pela primeira vez o cronograma terá atividades culturais permanentes como simpósios, seminários, conferências, exposições, oficinas com crianças e adultos, encontros educativos para iniciantes e especialistas em arte e concertos. A ideia é oferecer uma programação cultural contínua desdobrando o tema nas diversas esferas da arte. As exposições, que têm curadoria do artista alemão Alfons Hug.

O tema escolhido para esta Bienal do Mercosul é “O triângulo do Atlântico”, uma referência às origens do povo gaúcho, resultado da mistura de raças, credos e culturas da Europa, África e da América do Sul, influenciando também a arte contemporânea. Grande parte da programação será na rua para facilitar o acesso à arte. A programação inicia com um concerto da Orquestra de Câmara do Theatro São Pedro e convidados na escadaria da Igreja das Dores no próximo dia 26 de março e segue com eventos mensais. Além de arte, as atividades abrangem áreas da filosofia, história, arquitetura, direito e a medicina.

Aspectos de inclusão vão ganhar destaque

A programação da 11ª Bienal do Mercosul facilitará o acesso às atividades para minorias raciais, população de baixa renda e pessoas com deficiência. Algumas obras serão feitas com texturas especiais, alto relevo e linguagem braile. Haverá também transmissão virtual através do site para que o evento possa ser acompanhado de qualquer lugar. Uma das metas é que esta edição seja a mais internacional de todas, para isso são esperados artistas e personalidades de fora do país, com destaque para o continente africano. Outra iniciativa de destaque é preparar os estudantes de ensino fundamental e médio para as exposições. Devem ser discutidos em aula os principais pontos da mostra, incluindo o tema, a apresentação dos artistas e a contextualização das obras da Bienal.

No cronograma das atividades culturais permanentes estão simpósios, seminários, conferências, exposições, oficinas com crianças e adultos, encontros educativos para iniciantes e especialistas em arte e concertos. Tudo com entrada franca. Fique atento ao Culturíssima para mais informações sobre a 11ª Bienal do Mercosul.

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>