6#| Diários Latin Guitar Connections, por Thiago Colombo

[Leia AQUI os outros textos da série]

Memórias são o eixo temático de Latin Guitar Connections. Memórias que constroem lugares, pertencimento, apegos e desapegos. Sei lá, tudo. E nada como um fim de semana de descanso solitário para (re)construir memórias, depois de dias de intenso trabalho duro e pragmático, em que não há muito tempo para devaneios.

Fiquei, sem sombra de dúvida, com as provocações disparadas pelo Leandro Maia, na terça-feira (6), quando gravamos a parte falada do DVD, na cabeça. A autoanálise segue, sem a pretensão de chegar a conclusões definitivas, mas apontando certos pontos de sustentação, como umas bandeirinhas no meio do caminho, para não deixar-se perder nesse mundo interno difícil de mapear.

O fato é que esse projeto só poderia nascer em 2016, exatos 10 anos depois do meu último CD, o Reminiscências. LGC é um marco pessoal, aquele tipo de marco que divide claramente o antes e o depois. Neste álbum estamos imprimindo a história de um ciclo completo, que se fechou, que passou por todos os seus momentos, cumpriu uma dinâmica completa, se esgotou, mas, também, imprimindo um turbilhão de afetos novos, das melhores expectativas, de um frio na barriga que empurra o camarada pra frente, dessa excitação do (re)início. Nesses 10 anos nasceu um compositor, nasceu um eu compositor, e só hoje eu me sinto tranquilo em dizer isso. Nasceu também um novo intérprete, mais despojado, mais ciente, talvez, da fugacidade do tempo real e da “tragédia da cronologia” (parafraseando free style o J.J. Natiez), que não nos permite voltar um milésimo de segundo atrás.

Então, me deixo afundar na metáfora pobre de quem nunca serviu pra poeta e dizer que, compreender essa irredutibilidade do tempo é o que nos permite tocar bem (a vida?), com slancio, com swing, com feeling, bravura, despojamento… Essa é a beleza da coisa toda (sinto-me piegas, mas não importa, as linhas já foram escritas). Cheers!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Thiago Colombo é natural de Farroupilha, bacharel e mestre em Música pela UFRGS, professor da UFPel e doutorando pela Universidade Federal da Bahia. Escreve para o Culturíssima direto da Inglaterra, onde grava o álbum Latin Guitar Connections, com repertório exclusivo de composições próprias para violão. Outras informações AQUI e também pela sua fanpage no facebook. Leia AQUI os outros textos da série.

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *