HQ resgata memória do centro de Porto Alegre no início do século 20

Beco-0037 (1)

A ilustradora Ana Luiza Koehler está lançando o seu mais novo trabalho, a HQ Beco do Rosário, que se passa em Porto Alegre na década de 1920. Utilizando técnicas de desenho com bico de pena e aquarela, a porto-alegrense faz um resgate histórico do centro da capital gaúcha, baseado em extensa pesquisa urbanística e de acontecimentos, cenários e figurinos do fervilhante início do século 20.

A trama aborda uma Porto Alegre em ritmo de mudanças, buscando o progresso, onde becos e casebres desapareciam para dar lugar à ruas mais largas. E estes mesmos becos, que só apareciam nas páginas policiais dos velhos jornais da época. Embora se passe há quase 100 anos, o tema é bastante atual. É neste contexto que conhecemos  Vitória, uma jovem moradora do Beco do Rosário (atual avenida Otávio Rocha) que sonha em ser jornalista e mudar o discurso da imprensa. Em algum momento seu caminho se cruza com os irmãos Teo e Frederica, seus amigos de infância. Teo é um jovem engenheiro ligado à Comissão de Obras Novas da Intendência, encarregada de demolir os becos e abrir novas avenidas. Frederica, uma entediada dama da sociedade presa a um casamento frustrado.

Ana Luiza Koehler desenvolveu a HQ nos últimos dois anos, paralelamente a sua dissertação de mestrado em Arquitetura pela UFRGS, em que apresenta sua pesquisa sobre questões urbanísticas na região do Beco do Rosário. A obra tem formato 22×30 cm, 48 páginas, e custa R$ 35,00.

Lançamento e exposição

Neste sábado, 21, na Galeria Hipotética, às 18h, tem o lançamento do primeiro volume de Beco do Rosário, com sessão de autógrafos e bate-papo com Ana Luiza Koehler. Também inaugura a exposição que reúne páginas originais desenhadas pela ilustradora. A entrada é gratuita.

A mostra reúne ainda esboços, estudos de cenário e de personagem, além de reproduções de fotos e artigos de jornais e revistas de época consultados pela artista durante o processo de criação do trabalho. Visitação até 23 de janeiro de 2016, de quarta a sexta, das 14h às 19h, e aos sábados, das 14h às 18h. A Galeria Hipotética fica na Rua Visconde do Rio Branco, 431, bairro Floresta

 

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>